• Uma solução de registo biométrico, baseada nos kits de registo e no software de aplicação standard da Zetes, adaptada ao caso específico de Cabo Verde.
  • Uma plataforma de servidor AFIS a instalar em Cabo Verde.
  • Um suporte para uma nova base de dados da população cabo-verdiana.
  • Uma solução global (registo, centralização, validação dos dados biométricos, gestão de projecto, formação, etc.) apoiada na perícia e realizações de ID de Pessoas única da Zetes na EMEA (Europa, Médio Oriente e África).

Bruxelas - Praia – 06 de Agosto de 2007 – No contexto das próximas eleições a realizar em 2008, o Governo da República de Cabo Verde decidiu proceder à inscrição e ao registo da sua população eleitora (330 000 cidadãos aproximadamente).

Este projecto foi atribuído ao Grupo Zetes (Euronext Brussels: ZTS) e será executado conjuntamente pela Zetes e pela sua sucursal portuguesa, Zetes Burótica, nos próximos meses.

Kits biométricos, servidor AFIS e base de dados central

A solução de registo de eleitores proposta pela Zetes a fornecer ao Governo cabo-verdiano prevê:

  • uma solução de registo da Zetes, incluindo uma aplicação PRS (Software de registo da população) standard da Zetes e kits de registo biométrico móveis, adaptados aos requisitos específicos do projecto cabo-verdiano (conformidade ICAO …) ;
  • uma aplicação central e base de dados de eleitores, para consolidação e controlo central dos dados;
  • uma plataforma de servidor AFIS (Sistema Automatizado de Identificação por Impressão Digital), a instalar em Cabo Verde, para processar/inspeccionar as impressões digitais;
  • a formação de equipas de registo e de pessoal de apoio técnico;
  • a gestão do projecto, em Comité de Direcção juntamente com a DGAE (Direcção-Geral da Administração Eleitoral) e o NOSI (Núcleo Operacional para Sociedade de Informação), o núcleo operacional da comissão interministerial encarregada da promoção e implementação da Sociedade da Informação e e-Governo em Cabo Verde, sob o controlo directo do primeiro-ministro, José Maria Neves.

Uma solução alargada

A escolha da Zetes pelo Governo cabo-verdiano e pelo NOSI foi feita com base em vários critérios, como a perícia de ID de Pessoas do seu Centro de Competência internacional específico, a Zetes PASS (Serviços de Autenticação Pessoal e de Segurança), a sua reconhecida capacidade para gerir projectos de âmbito nacional e trabalhar em estreita colaboração com as autoridades e administrações locais, com realizações bem sucedidas na Europa, Médio Oriente e África (EMEA), na República Democrática do Congo, no Togo e em Portugal, entre as referências mais relevantes para o caso da República de Cabo Verde.

Ronny Depoortere, Senior VP Zetes PASS afirmou: “Este novo projecto é mais uma confirmação da preponderância da Zetes no mercado específico da ID de Pessoas, mesmo se o montante financeiro não é substancial em função do número de habitantes cabo-verdianos. Confirma igualmente a nossa capacidade para oferecer soluções biométricas globais, incluindo a plataforma AFIS e a base de dados central de conformidade ICAO”.

O responsável pelo NOSI, Eng. Jorge Lopes, disse: “Além disso, a solução de registo de eleitores a executar pela Zetes e a base de dados dos eleitores a criar é extensível a outras aplicações de inscrição/registo de pessoas e pode ser um suporte para uma nova base de dados global da população ou registo nacional no futuro”.

- FIM -

whitepaper

At the heart of the population register

Challenge, analysis, and approach. 44 pages

Download the white paper